dicas de marketing de conteúdo para impulsionar suas vendas
Marketing

12 dicas de marketing de conteúdo para impulsionar suas vendas

Cada vez mais empresas vêm apostando no marketing de conteúdo como parte de sua estratégia para estabelecer e manter uma marca no mercado. Só que muitos acabam esquecendo que ele também tem um papel muito importante na hora de impulsionar as suas vendas. E, acredite, ele pode ser muito poderoso.

A questão é saber como fazer o seu conteúdo converter mais.

E é para ajudar você a conquistar e fidelizar os seus clientes que pesquisamos e juntamos os saberes da nossa equipe, criando uma lista poderosa repleta de dicas de marketing de conteúdo para você usar para impulsionar suas vendas.

Vamos lá?

1. Crie conteúdo para visitantes em diversos estágios do funil de vendas

Se você já faz a sua gestão de funil de vendas sabe direitinho quais as etapas necessárias para a conversão e, principalmente, quais as perguntas que o visitante, lead ou prospect se faz em cada um desses momentos.

Portanto, seu marketing deve levar isso em consideração na hora de oferecer material para responder cada uma dessas dúvidas.

2. Junte postagens antigas em um e-book

Só porque um material já foi postado não significa que ele não tenha mais nenhuma forma de ser reaproveitado. Uma ótima ideia é reeditar esse material na forma de um e-book e a partir dele conseguir informações preciosas que vão ajudar a qualificar a seu lead e aumentar as chances de efetivar a venda.

#DicaExtraRelacionada: aproveite também suas apresentações em eventos do meio, compartilhando em formato PDF ou SlideShare para o seu público.

3. Use canais diferentes para promover seu conteúdo

Essa dica de marketing digital já é conhecida, mas vale repetir: trabalhe todos os seus canais conjuntamente, para ampliar acessos, compartilhamentos e, com isso, mais oportunidades de vendas. Suas redes sociais, email, o blog que você criou, seu site… Dessa forma é muito mais provável que a sua persona possa ver – e se interessar – pelo seu conteúdo.

4. Ofereça as respostas mais simples sobre cada assunto tratado

Se você ainda não fez essa pesquisa, aproveite para conversar com sua equipe de vendas (não se esqueça da importância do vendarketing): e pergunte quais as mais frequentes dúvidas sobre o seu produto ou serviço.

Você vai ver que as dúvidas costumam ser muito mais simples é básicas do que poderia imaginar. Portanto, evite as complicações (entre especificidades técnicas e outros).

5. Crie e acompanhe métricas de conversão

Só podemos saber o resultado de um investimento se tivermos métricas para avaliar o que foi conquistado. Uma das facilidades do marketing de conteúdo vem exatamente do número de ferramentas disponíveis para se poder saber a eficácia de cada ferramenta e conteúdo.

6. Ofereça demonstrações

Se uma pessoa ainda não conhece um produto ou serviço, por mais que ela queira, é normal que exista um certo receio para poder fechar o negócio.

Então, aproveite seus canais de divulgação de conteúdo para oferecer demonstrações do seu produto ou serviço para o cliente. Se ele já foi fisgado pela relevância do que você produz, ao fazer um teste vai ficar muito mais propenso a fechar negócio.

7. Invista em SEO (Search Engine Optimization)

Quem nunca usou uma ferramenta de pesquisa que atire a primeira pedra. Para poder encontrar algo na internet, é mais do que comum se voltar ao Google, Yahoo! ou afins para achar a resposta.

E mesmo com os serviços de links patrocinados, é preciso investir na otimização do seu site com estratégias de SEO para poder ter um melhor rankeamento – orgânico, ou seja, sem custos – nos resultados de busca.

8. Não esqueça do poder do e-mail

Às vezes, na correria diária, não temos tempo de procurar as respostas para aquilo que precisamos ou desejamos, ficando sempre para depois.

Mas muita gente já absorveu como parte da rotina checar e-mails. Então, que tal usar esse momento para oferecer para o seu público as respostas que ele não consegue buscar através do e-mail marketing? Existem grandes chances dele acabar te agradecendo (se tornando cliente) por ajudá-lo a otimizar e aproveitar o seu tempo.

9. Aposte nos dispositivos móveis

Falamos sobre checar e-mails e redes sociais.

E um fato que não pode ser ignorado é que este acesso, cada vez mais, é feito a partir de smartphones e tablets. Então, não esqueça deles na hora de promover campanhas! Crie ações exclusivas para esses usuários (por meio dos aplicativos e afins) e não esqueça de fazer com que seu site e blog sejam amigáveis a esses usuários.

10. Publique postagens regularmente no seu blog

Por mais relevante que seja o seu conteúdo, ele não vai ajudar muito a alavancar as vendas se não for constante. Para aumentar as conversões, as pessoas precisam aprender a confiar na sua marca e saber que você vai conseguir entregar tudo aquilo que promete. Se ela repara que você desistiu do seu marketing de conteúdo no meio do caminho, fica muito mais difícil de acreditar nessas promessas.

O conteúdo constante também vai ajudar no SEO, nas suas redes sociais, no e-mail marketing e tudo aquilo que depende da troca de informações para se estabelecer.

11. Insira botões de suas redes sociais próximas ao seu conteúdo

Quanto mais pessoas tiverem acesso ao seu conteúdo, melhor! Tendo a certeza da qualidade do material, da sua constância e capacidade de gerar leads, é preciso fazer com que ele chegue ao maior número possível de gente!

E hoje em dia a tecnologia e a internet facilitaram muito o processo, com botões que permitem que você, com apenas alguns toques, possa dividir com sua rede de contatos algo que pode ser a resposta para uma questão antiga, pronta para ser solucionada.

12. Mantenha um olhar atento no seu Analytics

Muita gente quer produzir conteúdo relevante, mas não sabe muito bem o que pode funcionar.

E mesmo quem já é fera no assunto às vezes se pergunta qual caminho seguir. As respostas, muitas vezes, estão lá no seu relatório do Analytics. Separe sempre um tempinho para olhar termos de pesquisa que conduziram ao seu site e quais os assuntos das postagens mais populares.

Assim, você consegue produzir mais do que funciona e menos do que não vem dando o resultado esperado.

E aí, curtiu as nossas dicas de marketing de conteúdo? Lembramos que elas só funcionam verdadeiramente se você passa a enxergá-lo como um investimento necessário para alcançar mais pessoas e mercados que você nem poderia imaginar. Afinal, na web as fronteiras são bem menores!

Se achou que faltou alguma dica aqui ou quer mais informações sobre a eficácia do marketing de conteúdo use a área de comentários.

Queremos sempre saber o que você pensa e como podemos ajudá-lo a conquistar o sucesso!


Este artigo foi produzido pelos nossos parceiros da Rock Content, especialistas em Marketing de Conteúdo. Se você está procurando entender mais sobre como produzir conteúdo de qualidade para seu público, pode falar com eles!

cta ebook construa um ótimo time de vendas sem vendedores experientes

Leave a reply